Diário de viagem GO: 23º Dia

26/04/2018

Pernoitamos em um motel devido à oferta de hotéis ser pequena em relação à demanda de visitantes. Nossa experiência nesse motel não foi das melhores, repetindo uma rotina que vem acontecendo várias vezes. Pelo porte da cidade de Inhumas/GO acreditamos que ela mereceria uma rede hoteleira maior e de melhor qualidade. O Lago Luzio de Freitas Borges é uma boa opção de lazer e a Praça Belarmino Essado é muito bonita. Seguimos para a cidade de Caturaí/GO que é uma cidade muito pacata e que gostamos muito. Na Praça 14 de Novembro, muito bonita, conhecemos alguns senhores divertidíssimos que, se parássemos para conversar, seria uma boa e longa prosa. Logo após seguimos para Araçu/GO que na praça que fica na entrada da cidade exibe um lindo monumento – carro de boi – em homenagem a simplicidade de um antigo prefeito da cidade. Percebemos que alguns prédios públicos estão abandonados, como exemplo o Ginásio de Esportes. Partimos para Avelinópolis e mesmo antes de chegarmos, de bem longe é possível avistar um majestoso “BEM VINDO”. A cidade apresenta um padrão de cuidado muito grande, visto que todas as guias estão pintadas e as ruas sem buracos. Gostamos muito do estilo de construção da Prefeitura e da Câmara Municipal que nos remete a lembrança de chalés de cidades serranas. A Praça da Matriz está muito bonita e ficará muito melhor quando terminar a reforma que está sendo executada. Aproveitamos para almoçar e logo seguimos para a cidade de Santa Bárbara de Goiás onde tivemos uma visita muito proveitosa. Na entrada da cidade uma grande e bela imagem da santa padroeira da cidade. Um bom lugar de lazer e descanso é o Lago Municipal. Após algumas fotos chegamos à famosa cidade religiosa de Trindade. Por ser uma cidade de um porte um pouco maior e com vários atrativos, visitamos uma parte desses locais e outros ficarão para o dia seguinte.